O Método do Discurso




Em 1935, o rico industrial João Vieira Lopes se candidatou e foi eleito prefeito de Cachoeira. Sua gestão foi uma das mais profícuas, caracterizada principalmente no combate à corrupção e uso honesto do erário público. Empoçado, sua primeira medida administrativa foi produzir um relatório dando conta à sociedade cachoeirana dos desmandos e sucateamento da res publica legado pelo "grupo" que o antecedeu. Vieira Lopes pertenceu a uma poderosa família de Outeiro Redondo, cujo sobrenome Vieira é o mesmo que batiza os Vieira do clã dos Nascimento/Natividade Vieira Tosta que se uniram por relações matrimoniais aos mais nobres sobrenomes de senhores de engenho baianos.  João Vieira Lopes é nome de rua em Cachoeira e Salvador, e possui parentes vivos residindo em Cachoeira, como seu Armando Vieira Lopes, e a família do cantor cachoeirano Nengo Vieira. O discurso abaixo foi publicado no jornal A Cachoeira, edição de dezembro de 1935, dias antes do pleito eleitoral que o elegeu. 


Discurso do Dr. João Vieira Lopes
 Distinguido com a confiança dos meus dignos amigos e conterrâneos, co indicação do meu nome para o cargo de prefeito do município da valorosa e heróica terra cachoeirana no pleito de 15 de janeiro próximo, sinto-me no dever de testemunhar a todos o meu profundo e sincero agradecimento.
Simples, humilde e modesto como sempre fui, jamais poderia aspirar honra tão excelsa que só a vossa generosidade me poderia dispensar si não fora o entranhado amor que consagro a este privilegiado trecho da nossa extremecida Bahia, onde tive a suprema ventura de nascer, certo que teria declinado do magnânimo convite pela convicção de que outros mereciam com maiores títulos, a dignificante investidura.
Subordinando-me assim a imposição dos meus prestimosos amigos, asseguro-vos que, se eleito, tudo envidarei nos limites das minhas forças modestas, para sustentar o nome, as tradições e a autonomia de Cachoeira e promover todos os meios para o seu progresso moral e material. Para tanto bata contar com as luzes a experiência,  a abnegação de todos aqueles que se acham  confraternisados nesta santa cruzada,  dentre os quaes é de justiça destacar esse intrépido paladino das luctas pelo bem da nossa estremecida terra, o Dr. Augusto Públio, nosso digníssimo representante da Assembléia Legislativa do Estado, o Dr. Alexandre Bahia, humanitário clinico, typo exemplar de cidadão e patriota, Dr. Candido Elpídio Vaccarezzsa, prototypo de lealdade e civismo, a quem este município deve os mais assignalados benefícios, Dr. Arthur Marques, clinico de nomeada espírito independente, sempre devotado às causas nobres, Dr. Nelson silva,, applaudido jornalista e causídico de elevado conceito, intransigente na defesa dos princípios democrático, Julio José da Costa, José Elmiro de Souza, Vicente Aguiar e Laffayate Almeida, figuras de destaque no nosso comércio, factores decisivos do nosso progresso, pelo trabalho, honradez e patriotismo e tantos outros, que sobressaem como elementos representativos da mocidade, dos trabalhadores ruraes, dos vários departamentos enfim, da actividade humana.
E para melhor symbolisar a sublimidade desta gloriosa jornada, ahi está a mulher cachoeirana, inexcedível de bravura, estoicismo e amor a esta terra a inspirar-se nos feitos épicos e immortaes de Maria Quitéria, o bravoe valoroso soldado da lucta pela independência do Brazil, em cuja fronte fulgura a coroa de louros que lhe conferiu a gratidão nacional. Mostrando que o presente ainda é digno do passado, as filhas de Cachoeira se erguem hoje, de novo para mostrar que vibra e palpita em seu coração o sentimento de liberdade, para cuja victoria não conhecem sacrifícios. A todas queremos renderão ao [sic] homenagens do nosso culto, representadas pela senhora Almerinda Vaccarezza dos Santos, modelo de virtude,  dentre os quaes explende o destemor nas lutas pelas causas de que depende a conservação das glórias que nos legaram os antepassados.
Assim irmanados, formando um só pensamento e uma só vontade, sem conhecer temores nem receiar perigos, marchemos para as urnas, levando no coração como signo da Victoria a soberba e invencível legenda: Unidos para o bem da Cachoeira.
  

























Comentários

  1. Anônimo16:51

    Que saudade! Tanta gente boa! Não é? Povo de Cachoeira consciente. E, hoje o que se intitula como " o melhor prefeito de todos os tempos", caminha com figuras tão ilustres como: Alemão (o avião do home); Rabo de Chucai(participou de todos os governos da época de Salustiano até os dias atuais-MURISTA); Cascavel (falava tanto da turma da farofa e agora? chupa toda! xixixixxi!!!...); Lago Poluido (esse não tem jeito. "O filho já é procurador da câmara?)e outros. Já é século XXI acorda cidade de Cachoeira pra ver.

    ResponderExcluir
  2. Anônimo22:06

    É com muito orgulho que leio este artigo!!Sou filho de Aurea Vieira Lopes, filha de dele,hoje resido em SP.

    ResponderExcluir

Postar um comentário